terça-feira, setembro 19, 2006

O Quarto do Filho

No T2, de razoáveis dimensões, transformado em lar, há um quarto multiusos.
Aos fins de semana, de 15 em 15 dias, é o quarto do filho e adquire aquele ar agradavelmente "negligé" usado pelos rapazes que vivem sozinhos.
Durante o resto do tempo divide-se entre quarto de vestir do género feminino, rouparia na área de lençóis, atoalhados e outras miudezas necessárias ao quotidiano caseiro, dormitório da Nocas, que, apesar de ter um cesto em todas as divisões, privilegia este espaço, escritório de lazer e estudo informático, de leitura de "desvairados" géneros literários, entre os quais o género blog, de escrita de pequenas crónicas para o jornal da terra natal e ainda câmara de recepção às amigas quando a sala está demasiado ocupada.
É ou não um quarto multiusos?
Estivessem assim tão bem ocupados os espaços multiusos que proliferam por aí, nem sempre no sítio certo!

3 comentários:

Anónimo disse...

Obrigada pela ideia,vou fazer o mesmo!

Maria M.

Esplanando disse...

Um ar agradavelmente "negligé"?! Isso dito assim até parece artistico! :-D

Su disse...

assim concordo com o multiusos:)))

jocas maradas