quarta-feira, fevereiro 23, 2011

Nos 24 anos da morte de Zeca Afonso

No dia 19 de Dezembro coloquei aqui a sua "Canção de Embalar" para assinalar a partida de alguém muito querido, hoje opto por "Senhora do Almortão" para mostrar como gosto de Zeca e para afirmar que ele pertence à galeria daqueles que "se vão da lei da morte libertando".
Ele também esteve na génese da nossa democracia!
Obrigada, Zeca!

22 comentários:

Nina disse...

Grande senhor!
Cresci a adorá-lo.:)
bji

Rui da Bica disse...

Foi Enorme ! Foi um Homem extraordinário e contribuiu muito para os resultados da Revolução, sem dúvida !
Infelizmente, penso que teria sido um "cantor de geração", de uma época e que caírá no esquecimento após a nossa geração ou talvez a próxima !
É o meu conceito de "Alma". Alma é a lembrança que fica de uma pessoa e que se manterá enquanto haja alguém que se lembre dela. A Alma desaparecerá quando desaparecer a última pessoa que a pudesse recordar !
.

flor de jasmim disse...

Rosa Dos Ventos
Estamos em sitonia, o meu post é o zeca "venham mais cinco", e agora deparo-me com o blog do meu maridão "folha seca" também pôs o Zeca com "coração inteligente", e com o teu, afinal o que se passa connosco!!!
Beijinho

Rui Pascoal disse...

Na “minha” Excursão do 7º Ano do Liceu pernoitámos num hotel na Meia Praia - Lagos e sabem quem estava lá? Exactamente! Bem insistimos para que cantasse mas não acedeu ao nosso pedido invocando problemas com a garganta. Esta recusa, na altura algo frustrante, não impediu a minha profunda admiração pelo Zeca.

“Venham mais cinco” como ele, já, que este país anda meio adormecido e precisa urgentemente que o acordem.

São disse...

Folgo que exista ainda muita gente a prestar homenagem a esse ser humano enorme que foi José Afonso!

Além do meu, já encontrei mais três posts.

Um bom dia, ROsa

Observador disse...

Foi precioso conhecer a pessoa e a obra de Zeca Afonso.

Imperdível no tempo.

Lilá(s) disse...

Ele partiu mas a sua voz ficará para sempre.Que saudade...
Beijinhos

goiaba disse...

Foi bom que no "meu" blog e aqui se recordasse Zeca Afonso! Ouvi de novo estas canções e fui procurar outras.Como é que se vai ensinar a não esquecer?!
Abraço

carol disse...

Excelente. Todas as suas canções são poderosas! E ele, um homem de força! (Sem "canções parvas" como agora se usam...)

sendyourlove disse...

Sempre que oiço o Zeca a cantar ainda me arrepio, por mais vezes que já tenha ouvido as suas musicas e saiba de cor as suas letras...Algo que só pessoas fantásticos conseguem!

Bjs doces

mlu disse...

Zeca Afonso, a sua voz e a sua capacidade de intervenção através da música, sempre!
Havemos de recordá-lo e passá-lo a outras gerações!

Um abraço.

Anónimo disse...

Obrigada, Rosa. Que atenta anda sempre! Estou consigo, mais uma vez. Um abraço, UM

JPD disse...

O ZEca Afonso será sempre uma referência, apesar do desinteresse inexplicável que as rádios votam o seu magnífico repertório.

Bjs

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Também lembrei o Zeca, uma figura incontornável da nossa Democracia.

Maria disse...

É nossa obrigação continuarmos a cantá-lo. Para que não caia no esquecimento.

Um abraço.

Catarina disse...

Continuará vivo no nosso coração.

trepadeira disse...

É preciso ouvi-lo.
É preciso senti-lo.

É preciso voltar à génese da democracia.
Um abraço,
mário

Verdade da Mulher disse...

O tempo voa, e não se acha que o corte as asas. Beijito.

Luis Eme disse...

e continua a ser a voz libertadora e revolucionária, sempre actual, Rosa.

nunca houve tantos vampiros por ai, é por isso que é preciso que venham mais cinco.

abraço

Sonhadora disse...

Um HOMEM que a nossa geração jamais esquecerá. Faço votos para que não seja esquecido nas gerações futuras.É preciso continuar a ouvi-lo.

Beijo

Duarte disse...

Já deixei constância por aqui, noutra oportunidade, do muito que o admiro.
Foi único, grande, imenso... por siso partiu tão cedo!

Un grande abraço para ti

Cata- Vento disse...

Zeca Afonso é inesquecível.A sua mensagem perdurará nas inúmeras canções que nos deixou e na vontade férrea de perseguir um sonho até à sua concretização.
Tive o grande privilégio de o conhecer quando leccionava em Faro.

Bem-hajas!

Beijinhos