segunda-feira, maio 24, 2010

Parque Natural da Serra d´ Aire e Candeeiros


Como há dias comemorativos de tudo e de mais alguma coisa, hoje é o Dia Europeu dos Parques Naturais, locais de grande e variada beleza, normalmente com uma flora e fauna bem preservadas, daí a justeza desta comemoração.
Apresento-vos duas imagens do "meu" parque. Nasci num concelho e vivo noutro que se encontram dentro da sua área "protegida", nem sempre como gostaríamos que fosse, daí as aspas.
A primeira imagem, de uma beleza selvagem bem patente, é da Serra d´Aire e se aumentarem a imagem notarão um caracol, obra de uma conhecida escultora portuguesa, feito com a pedra da região (calcário) e na segunda podem ver uma das lagoas do parque a contrastar com a secura da anterior.
Agora vem o mais difícil ou talvez não.
Quem é a escultora, autora do caracol e em que aldeia se encontra esta lagoa?
E já agora, se vivem perto de um parque natural , aproveitem para ir até lá respirar o ar puro, tirar fotografias, fazer um piquenique, namorar, etc.

30 comentários:

Isa GT disse...

Manuela Madureira?
Beijinhos

Rui da Bica disse...

Lagoa (ou Polje) de Mira-Minde em Porto de Mós (?)
O caracol é designado por Serra da Lua - 3º Prémio do Concurso de Escultura “Semana da Pedra IV”, (Serra de Aire e Candeeiros, Portugal)em 1991 (?)
Autoria Manuela Madureira (Isa está certa)
.

legivel disse...

... o sítio é lindíssimo e a autora do caracol é a Manuela Madureira*.

*Fechei os olhos para não ver os comments anteriores que eu não pessoa para batotices**.

**... enquanto como caracóis. Resta saber se acreditas que eu estava a comer caracóis enquanto comentava o teu post...


Abraço e sorrisos.

Isa GT disse...

É preciso azar, eu pensei que já tinha enviado o comentário, mas pelos vistos não entrou e claro que concordo com legivel.
Beijinho

Isa GT disse...

Afinal já entrou 2 vezes lol

Justine disse...

Como eu gosto desta serra, vizinha:)) E como me apetece conhecê-la cada vez mais e melhor!
Tu ajudaste:))))

AC disse...

Sendo eu confesso adepto da natureza, não fico muito bem na fotografia ao admitir que conheço este parque natural praticamente só de passagem.
Pode ser que este post seja o mote para lá dar um salto mais demorado.

Teresa disse...

Trabalhei em Alcanena, passei muitas vezes por essa serra, mas já não sou do tempo do caracol :)
Bjs

Humana disse...

esta serra é lindíssima, fiquei com vontade de a revisitar.

rosa (ou nespereira?) dos ventos,
quero enviar-te um email. fazes o favor de me contactar para o email da idun: idun-a-felina@sapo.pt?

Rosa dos Ventos disse...

Caros amigos
Eu não sou como o Rui da Fonte que rapidamente termina com os seus enigmas, por isso aguardo mais um pouco por novas entradas.
E não termino rapidamente com eles porque não tenho a capacidade produtiva do Rui, da Isa, da Carol, entre outros... :-))

Abraço

Rui da Bica disse...

Mázooooonnaaaa !!! ... e sáádiiiiccaaaa !!! gggrrrrrr !
.

carol disse...

Para quando uma fotografia da "mata" da tua terra cheiinha de água? Isso é que beleza agreste! E sem enigmas de autoria...
Bj.

Rosa dos Ventos disse...

"Carolzinha"

Consulta o meu post de 16 de Fevereiro e o de 13 de Janeiro, aí verás a Mata.
Sabes que de vez em quando lá vou tirar umas fotos.
Pena que só encha em invernos bem chuvosos!

Abraço

Tite disse...

Adoro quando chego tarde a estes enigmas da Rosa.

Até porque já tinha ouvido falar do caracol mas nem de perto me lembrava do nome da sua autora.

Obrigada "Setora" por mais esta dica importante a acrescentar à minha escassa cultura sobre reservas naturais deste nosso lindo país.

Beijosssss

Duarte disse...

Sítios bonitos que só conheço na distância. Sei que me irás desvelando segredos e belezas da tua terra, espero-as.
Gostei, como do bem informados que estão todos, eles!
Abraços

Rosa dos Ventos disse...

Atenção à navegação!
Eu ainda não declarei encerrado o enigma...

Abraço

Dione Poisl (Noni) disse...

Adorei o nome do blog. Conheci a rosa dos ventos na Escola de Sagres quando fui a Portugal e me emocionei com aquele lugar. Que vista!
Gosto dos teus posts. Vou ser fã do blog.

Teresa Lobato disse...

A net tem destas coisas, amiga... Já andámos desaparecidas uma da outra por duas vezes. Este é o segundo reencontro, pois.
Tive a sorte de ter nascido num parque, o da Peneda-Gerês, e de viver noutro, o da Arrábida. Considero-me uma sortuda...
Mas há ainda tanto por fazer...

Beijinho

tsiwari disse...

Se eu vivesse perto de um parque natural ia para lá namorar e etc.

Ai ia, ia... oh se ia!


:)**

Rosa dos Ventos disse...

Peço desculpa mas tenho de corrigir uma imprecisão que em nada influencia o enigma.
Enganei-me no nome da serra, devia ter escrito dos Candeeiros e escrevi d´Aire.
O engano deveu-se ao facto de eu viver "na" Serra d´Aire e estar mais habituada a nomeá-a...

Abraço

Luis Eme disse...

não faço ideia...

mas são dois sitios optimos.

abraço Rosa

Isa GT disse...

Mas falaste no caracol de pedra :D
Beijinhos

Oliva verde disse...

Não sei responder às questões mas gosto muito de passear por aí. Já trabalhei aí perto e gostei muito.
Acho que vou aproveitar alguns dias das próximas férias para conhecer melhor.
Um abraço

Rosa dos Ventos disse...

Cara Isa
O parque tem duas serras e eu enganei-me quando localizei o caracol na Serra d´Aire quando devia ser na de Candeeiros mas, como expliquei, isso não perturbava o enigma...
A seguir vou desvendar o enigma!

Abraço

Rosa dos Ventos disse...

Caros amigos

Perante a falta de outras respostas além da do Rui, Isa GT e Legível passo à solução do "problema".
O caracol de pedra é da autoria de Clara Menéres no âmbito do concurso da 1ª Semana da Pedra, realizado pelo PNSAC em 1988.
A lagoa localiza-se na freguesia de Arrimal, concelho de Porto de Mós.
Aliás o caracol também se encontra neste concelho.
Vi a nomeação de Manuela Madureira como sua autora (com alguma convicção)e fiquei perplexa pois não era essa a minha referência.
Para me certificar melhor consultei um livro da Verbo sobre Parques Naturais e ainda telefonei para a sede do PNSAC em Rio Maior.
Daí me veio nova confirmação.
De qualquer das maneiras aceito reclamações e até agradeço que me digam a origem dessa informação em relação a Manuela Madureira.
E já agora visitem este parque onde há muito que ver...não basta um dia!

Abraço

Isa GT disse...

A trabalheira que tiveste para desembrulhar o enigma.
Experimenta pôr no google:
Manuela Madureira escultura de pedra Serra de Aires
Aparece o currículo dela, um prémio em 1991
Mas também como não fui lá à Serra para ver, não te garanto nada.
Beijinhos

Rosa dos Ventos disse...

Mas o caracol é de 1988...
Ela podia ter recebido um prémio em 1991 mas não em relação a esta obra que é, segundo uma fonte documental e outra oral/telefónica da sede do PNSAC, de Clara Menéres...
Aliás há várias esculturas de pedra em Porto de Mós, alguma será datada de 1991 e de Manuela Madureira.
Desculpa lá tanta explicação!

Abraço

Rui da Bica disse...

OK. Tudo bem.
A indicação de Polje de Mira Minde, em Porto de Mós era uma das hipóteses possíveis. Naquela zona há muitos e era uma mera possibilidade.

Googlando cheguei à informação:
"O caracol é designado por Serra da Lua - 3º Prémio do Concurso de Escultura “Semana da Pedra IV”.

Continuando a Googlar, utilizando a "Dica" da Isa, verifiquei precisamente a mesma informação que a Isa indicou no comentário acima : a Manuela Madureira tinha sido premiada em 91, logo, erradamente deduzido, teria sido ela a autora do caracol. Nada de concrecto, portanto, nem no ano nem na autoria.
Só acertei no Concelho de Porto de Mós ! :)))
.

mlu disse...

Conheço o primeiro local de há muito e só de passagem mas acho, agora, que vale a pena gastar um tempinho a vê-lo mais de perto. Mesmo sem a erudição que aqui vai, aquele caracol, que nunca tinha visto nem de perto nem de longe, é um espectáculo!

Um abraço.

bettips disse...

Não me dão "o tempo": eu roubo-o, aos bocados, na feitura da minha vida.
Por isso me vou repetir sem vos ler como vos gosto. Deixo abraços porque me sois belos.