sexta-feira, outubro 21, 2011

Cavalinhos!


Há muito tempo que não coloco aqui um enigma! Como não quero que se desabituem cá fica este à espera de ser desvendado.
Onde estarão estes cavalinhos?

39 comentários:

L.O.L. disse...

Não faço a mínima ideia. :(

M. disse...

Sei onde estão...Já onde estarão...


(disfarcei bem a minha ignorância?)

Mery disse...

Olá, parece um pedestal em pedra, "um tronco...tipo "uma estátua(?)
( se é ou não?
Enigmas são iguais a final de novela, ninguém sabe quem foi o assassino, quem é o pai, hehehe* *
Mas é um lindo jardim, isso é.
Boa tarde, aí, deve ser quase noite.
beijus da Mery*

trepadeira disse...

Parece-me já os ter visto por aí.

Um abraço,
mário

Flor de Jasmim disse...

Rosa
A minha resposta é a mesma que o nosso amigo L.O.L., mas vou ficar à espera para ficar a saber.
Beijinho bom fim de semana

Observador disse...

Em cima de umas pedras.

:D

ematejoca disse...

Cavalinho Liz que vai para Paris! Cavalinho....

Turista disse...

Hummmm, serão pela região centro do nosso país?
Beijinhos e bom fim de semana.:)

mlu disse...

Quando li o título pensei que o post ia falar de cavalinhos de carrossel de que ainda hoje gosto tanto!
Estes, não faço ideia onde estão mas têm movimento, são muito bonitos!

Um abraço

Duarte disse...

Particularidades que chamam a atenção, quando se contemplam, por isso tenho que dizer que não estive aí.

Abraços

Rui da Bica disse...

Do escultor ARC, perto de um lago num Campo (de futebol ?), que se não é o Maior é pelo menos de boas dimensões (será de basquetebol ?)!
Ah ! Tem um portão verde entre os cavalinhos ao cimo das escadas.
.

Rui Pascoal disse...

"Que Cavalos São Aqueles Que Fazem Sombra No Mar?"
Não são os do António mas existem barcos por perto.
:)

maria disse...

Passo perto deles quase todos os dias :)

Abreijinho :)

carol disse...

Até eu sei, Rosinha! Namorei bastante lá para os lados destes cavalinhos... São bem elegantes e bem alegres como convém a quem anda com as crianças pelo Jardim.

(Bem se vê que foste ver o canininho...)

Bom fim de semana.

Rogério Pereira disse...

Esses cavalos são meus
Fugiram-me do prado
Marotos. Como foram parar
aí a esse lado?

Se soubesse...

Catarina disse...

Não sei. O canininho não vive em Lisboa? :)

Luís Coelho disse...

Uma estátua com graça.
Posso ter passado por eles mas não me recordo ou então nunca os vi.

Será que pertencem à zona do Ribatejo...???

Nina disse...

Já percebi que estão na capital, mas nunca passei por eles.:)
beijinhos

Sonhadora disse...

Será que o Rui quis dizer Campo Maior? Já procurei e não encontro.

Beijinhos.

Rosa dos Ventos disse...

Claro que o mestre dos enigmas deu uma enorme dica! :-))
Ele sabe tudo!
Mas há por aqui muitas dicas de quem conhece bem este jardim!
Eu também namorisquei e namorei por aqui, amiga Carol!
Estava mesmo ali à mão! :-))

Rui da Bica disse...

Não Sonhadora ! :)) Foi uma dica para "dicar" e para confundir ! :)))
Não é Campo Maior ! rrsss
.

Anónimo disse...

Não sei.Se algum dia os tivesse visto não me esqueceria.Por certo nunca namorei por aí..,mas pelos comentários julgo estarem num local bem romantico.
gb

Cacau Jafet disse...

Na entrada de um castelo!!
bjosss

Alberto David disse...

Do meu livro PINTURAS E POEMAS:

CAVALOS EM FUGA


Cavalos em fuga, força da natureza,
de impar beleza…
Galopam nervosos fugindo ou procurando algo
Em longas manadas procuram o que só eles sabem,
Os prados por onde correm, tornam-se quadros,
Pintados de verde.

Mostram a força que a natureza lhes deu,
Refrescam-se em livres movimentos, nos riachos
Que em seu galopar possam encontrar
Nas planícies o chão treme sob os seus cascos
O vento macio, corre suavemente
pelas suas longas e lustrosas crinas,
Já que o vento amaina nas pradarias

Mas os caminhos que percorrem, nem sempre são macios.
Pois as pedras foram caldeadas pelo tempo.
À sua espera estão longas montanhas rugosas,
que o tempo esculpiu…
É ai que os cavalos passeiam
Troteando sobem cautelosos, sem esforço, com alegria
Os seus cascos quase não tocam nas perigosas
rochas do caminho…
Passam pelas ravinas, com a imponência da sua figura
Maravilhoso vê-los esticar os seus belos
e esguios pescoços.
Firmes como se fossem estátuas,
Esculpidas pelo cinzel do artista
Os seus cascos faíscam,
quando roçam as pedras rugosas do caminho.

São estátuas esculpidas com rara elegância
Sente-se que através do seu olhar meigo,
querem olhar o infinito…
Cheirar os odores do Universo que os rodeia,
Estes cavalos a que chamamos de selvagens,
Que não são mais do que cavalos meigos
dos nossos sonhos.
Deixarão de ser chamados..., Cavalos Selvagens.

redonda disse...

Não faço ideia, mas são bem giros :)
um beijinho

São disse...

Nem tento, rrsss

Um bom domingo

Nina disse...

Já encontrei os branquinhos!:))

Anónimo disse...

Confesso que não sei onde encontrar estes cavalinhos. Estou cheia de curiosidade em saber; venho visitar o seu blog só para ver se o enigma já acabou... M.A.A.

Paula disse...

Não faço ideia!
:)

Rosa dos Ventos disse...

Pois estes cavalinhos que são classificados de "potros" no conjunto das esculturas deste belo e antigo jardim situam-se no Campo Grande, em Lisboa!
Se eu não fosse preguiçosa e também ignorante ia além da explicação que vou dar...:-))
Quando descemos a Alameda da Universidade, viramos para a esquerda, para o lado do Estádio José de Alvalade, caminhamos um pouco no passeio que ladeia o jardim e um pouco mais à frente encontramos uma ilhota no meio de um lago e onde ainda hoje se pode andar de barco.
No meu tempo de estudante nessa ilhota funcionava uma bela esplanada e chegava-se a ela subindo estas escadas ladeadas pelos cavalinhos.
Actualmente está fechada, com um ar de abandono que até faz doer a alma de quem por ali tanto passeou, namorou , estudou e fingiu que estudou!
Vou pedir ao Rui da Bica que venha aqui dizer o nome do escultor porque, apesar dos esforços desenvolvidos, não consegui descobrir!
Acrescento que este jardim também se estende para o lado direito da Alameda e vai até Entre-Campos onde dantes funcionava a Feira Popular...
Estas simples informações servem de breve referência para quem não conhece muito bem a capital do "império"! :-))

Abraço a todos os que têm a paciência de me aturar nestes enigmas

Rui da Bica disse...

Como a Rosa pediu, aqui está o autor : Escultor prof. António Da Rocha Correia.

http://pt-br.facebook.com/pages/Antonio-Da-Rocha-Correia/173719832674087?sk=wal


Nesta vejam a imagem 9

http://www.myspace.com/antoniodarochacorreia/photos/2653258
.

Nina disse...

Vinha trazer o nome, mas o mestre antecipou-se.:)

Justine disse...

Já passei "milhentas" vezes pelo jardim do Campo Grande e nunca vi os cavalinhos! Juro que para a semana vou lá de propósito:))))
Beijo, vizinha:)))

Lilá(s) disse...

Agora já li a resposta... e confesso que passo por ali imensas vezes e nunca reparei!!!!
Bjs

Rosa dos Ventos disse...

Obrigada, meu mestre!
Agora entendo "os branquinhos" da Nina! :-))
Eu encontrei a imagem na net mas não fui capaz de chegar ao autor...:-((

Abraço

Tite disse...

E eu que cheguei tarde desta vez!!!

Amiga,

Se houve jardim que frequentei desde tenra idade foi este. Os Domingos eram passados por perto destes potrinhos, a ver passar os barquinhos antes de nos dirigirmos ao ringue de patinagem.
Havia sempre vendedores de tremoços, pevides e outras coisas que nem apreciava tanto.
Fez-me bem matar saudades já que agora raramente passo por esses lados.
Vivi em Alvalade, Campo Grande, Entre-Campos e Av. das Forças Armadas durante 33 anos da minha vida.

Cheguei tarde mas ainda assim aprendi o nome do autor dos cavalinhos.

Chuac!

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Não sabia mesmo. Estou como a Justine... já lá passei milhares de vezes ( quase todos os dias...) e nunca reparei neles!

Dylan disse...

Não conheço. É raro ir para esses lados.

argumentonio disse...

Caro Rui da Bica, nas fotos do "myspace" há um jogo de xadrez, parece muito bonito, haverá maneira de o ver ao vivo?

por outro lado, terá o Mestre feito mais que um exemplar?

muito obrigado!

saudação cordial


ps - na foto com o tabuleiro, Rainha e Rei das negras (peças em segundo plano) estão em posições trocadas ;_)))