segunda-feira, agosto 19, 2013

Federico García Lorca .

Frederico Garcia Lorca foi assassinado pelas tropas franquistas a 19 de Agosto de 1936!
Para que continuemos a recordá-lo como um grande poeta e lutador pela liberdade, deixo-vos com um poema seu musicado por Vicente Monera.


15 comentários:

AFRODITE disse...


A LUA continua a apaixonar e a inspirar os poetas ao longo dos séculos.

Gostei de ouvir...
Beijinhos
(^^)

folha seca disse...

Que nunca deixemos esquecer as vitimas do fascismo.
Beijo Rosa
Rodrigo

Vou partilhar no facebook

Rui Pascoal disse...

A memória às vezes escapa-nos, outras vezes somos nós...

Observador disse...

É bom recordar o que de bom o passado tem.

Abraço

Duarte disse...

Quiseram calar ao homem, ao pensador, ao poeta, temiam aquilo que expressava. Calaram a sua voz, mas aquilo que expressou por escrito permanece, é um dom que nos pertence a TODOS. Grande Dom Federico!
Parabéns, querida amiga, por esta iniciativa.
As suas obras de teatro são fonte para muito artistas...
Abraços de vida

Lilá(s) disse...

Sim, é bom recordar.
Bjs

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Que lindo, Rosa! Um pouco de poesia com história para nós. Isso mesmo, homengear sempre os que morrem pela liberdade. Beijos

Graça Sampaio disse...

Ai as ditaduras da 1ª metade do século XX! Oxalá a história não dê em repetir-se!

Anónimo disse...

Obrigada Rosa!Kinkas

Flor de Jasmim disse...

É bom recordar sim, que nunca sejam esquecidos.

beijinho e uma flor

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Excelente! obrigado pela recordação e pela partilha.
Boa semana

ematejoca disse...

Federico García Lorca foi um grande poeta e dramaturgo, e uma das primeiras vítimas da Guerra Civil Espanhola.

Ser abertamente homossexual foi a causa principal da sua morte violenta.

Infelizmente, os homossexuais continuam a ser perseguidos em muitos países como na Rússia.

Teté disse...

Conheço muito pouco da sua obra, mas tenho grande admiração por quem sempre lutou pelos seus ideais, ainda mais se contra regimes ditatoriais (ou em vias de se tornarem)!

Abraço!

AC disse...

Federico Garcia Lorca, um poeta de sempre.

Beijo :)

Rosa dos Ventos disse...

Já conhecem a minha tendência para a síntese a ponto de ser incompleta!
Ainda bem que há sempre quem enriqueça as minhas "postagens" trazendo mais informação!
Agradeço à Ematejoca o que acrescentou que é bem relevante!

Abraço