terça-feira, março 20, 2012

Diz o Borda D´ Água...

Diz o Borda D´Água, almanaque que não dispenso de consultar, que hoje começa a primavera mas desta vez não me parece muito acertado...
Acontece que este ano, ela , a tal de primavera, instalou-se bem cedo no meu quintalinho/jardim e há muito que a ameixieira explodiu em flor e se entrelaçou na nespereira!


O pessegueiro anuncia nas flores rosas que teremos pêssegos tão deliciosos como no ano passado e comidos a meias com o vizinho do lado para onde ele pende, com a nossa permissão já que para lá pende.


Estas flores alanrajadas às quais o meu "fiel jardineiro" chama frésias mas que não o são, não sabendo eu também o seu nome certo, alindam um dos canteiros e encostam-se às irmãs roseiras um pouco atrasadas.



Os cíclames também estão a dar um certo colorido ao jardim...
Contudo a cerejeira mantém-se, serenamente, a dormir mesmo a ser visitada pela passarada da vizinhança e com a enorme gaiola dos canários encostada ao tronco, por isso não teve honras de fotografia!
E já que amanhã se celebra o Dia Mundial da Poesia, entre outros, também vos deixo um poema:

Sei um ninho.
E o ninho tem um ovo.
E o ovo, redondinho,
Tem lá dentro um passarinho 
Novo.


Mas escusam de me atentar:
nem o tiro, nem o ensino.
Quero ser um bom menino
E guardar
Este segredo comigo.
E ter depois um amigo
Que faça o pino
A voar...


Miguel Torga


E como terminavam sempre as minhas redações sobre a primavera apenas acrescento:
Eu gosto muito da Primavera (ainda não havia o NAO) porque é a estação do ano das flores e dos passarinhos!

23 comentários:

Dalma disse...

Na minha horta/pomar está tudo muito atrasado, uma ameixeira que só dá ameixas lá para o fim de Agosto é que floriu. As cerejeiras estão como descreve, a nespereira tem nêsperas do tamanho do caroço de uma azeitona, os maracujás muito amarelos e mais nada digno de nota... e a chuva teima em não cair!

folha seca disse...

Cara Rosa
Valham-nos estas imagens e delas podermos disfrutar para atenuar as preocupações quem enfrentamos.
Uma boa primavera com muita cor.
Beijo
Rodrigo

São disse...

Grande Torga, boas fotos.

Lhe desejo uma luminosa e colorida Primavera, Rosinha

trepadeira disse...

Só assim fala da Primavera e da natureza quem vive,como uma flor,no meio das flores.

Um abraço,
mário

Humana disse...

pois, as minhas roseiras também ainda não deram flor; mas há jacintos, lírios, frésias-mesmo-frésias, jarros, malmequeres... e a trepadeira que plantei em fim de outono mantém-se adormecida.
rosinha dos ventos, eu não sei o que se passa; também tenho o google chrome e consigo aceder ao meu blog; mas tenho de usar as setas para os post, pois com o rato não consigo...
outra coisa: escrevo www.pequenojardimcomgatos.blogspot.com mas o endereço muda, automaticamente, para www.pequenojardimcomgatos.blogspot.pt.
será que, escrevendo assim o endereço, já consegues?
abraço

mlu disse...

Belíssima maneira de começar a Primavera! E por aí, ela promete...
Já agora, que venha risonha, com tudo de bom!

Um abraço

Teresa disse...

Já estou a ver que a primavera explode, no teu jardim. Que bom que assim é! Este ano, quase não dei por ela!
Bjs

Flor de Jasmim disse...

Grande Torga! Grande Rosa dos Ventos! Grande jardineiro.
Lindas as tuas flores e árvores.Amei.

Feliz noite de Primavera e de nós blogueiros.

Beijinho e uma flor

Rogério Pereira disse...

Me ensinaram
desde menino
a não colher
uma flor
seja onde for

Tenho pena
mas levo o poema

:))

Pitanga Doce disse...

Esta Primavera tão precoce pode ter sido arte de uma brasileira que andou por aí borboleteando no finlal de um Inverno seco e solarengo. Sei não...

Graça Sampaio disse...

O que vale ter um "fiel jardineiro"! O meu é fiel (digo eu!), mas não é jardineiro, pelo que não tenho flores bonitas no meu nano/mini/micro jardim...

Beijinhos primaveris para o "fiel jardineiro" que bem merece...

Catarina disse...

Ah! Esse poema eu conhecia... e parte dele sei-o de cor!
Como está florido o teu jardim/quintal !
Nós aqui andamos sempre atrasados...

Zilani Célia disse...

OI ROSA DOS VENTOS !
QUE LUGAR LINDO, COLORIDO,DEVE SER CHEIROSO TAMBÉM.
ABRÇS

Zilanicelia.blogspot.com
Click AQUI

Sonhadora disse...

Minha querida

As flores são um regalo para a vista e uma doce paz para a alma...adorei.

Um beijinho com carinho
Sonhadora

Anónimo disse...

Não comento porque estou verde de inveja.Kinkas

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Este ano ainda só dei pela Primavera, por causa deste vento característico da época que atiça a minha rinite e me obriga a manter alguma distância das flores. Por isso, esta explosão florida e cromática que aqui nos oferece, teve o efeito de um bálsamo.
Obrigado

Duarte disse...

Quanta sensibilidade!
Desde o poema à montagem das fotografias e texto.
Até me inspiraste assim...

PRIMAVERA

A primavera inunda a pradaria
Com flores de lindas cores,
que nos prendem, nos cativam…
Embaladas pela brisa ao anoitecer,
arrasta-nos perfumes embriagadores
que nos incitam a soltar a palavra,
em verso… em prosa… a amar!
São os aromas da Primavera
e os seus efeitos regeneradores...

O meu muito obrigado pela orientação literária. "Ernestina" Uma delicia de livro para os sentidos: muito mais para quem nasceu, como eu, no Norte.

Abraços de vida

Isa GT disse...

Este ano a Primavera veio mais cedo porque o Inverno, mal se viu.
...e as plantas, desde que regadas, andaram um bocadinho confusas... desde o Outono.

Bjos

Rosa dos Ventos disse...

Elas e nós, Isa GT! :-))

Abraço

Lilá(s) disse...

Não podemos deixar de estar satisfeitos com esta primavera antecipada, esperemos agora que não venha mau tempo para estragar os deliciosos frutos que se adivinham nas árvores...
Bjs

Catarina disse...

Rosa dos Ventos,


Não sei quando mas aqui fica:
Parabéns a você... parabéns a você....lá, lá, lá, lá.... : )
Abraço

Tite disse...

Pois frésias não são não amiga. Essas parecem-se com umas silvestres que por aqui abundam quando a chuva cai.

Este ano ainda não tive sinais de frésias, tulipas ou narcisos devido à estragação provocada pelos meus gatos que tanto escavam para esconder o que tu bem sabes. Assim, lá se vão os bolbos ou os seus rebentos e eu... fico a ver navios.

Beijarokas

Rosa dos Ventos disse...

O "fiel jardineiro" continua a insistir que são uma espécie de frésias...
As verdadeiras frésias já começaram a despontar mas nem me apetece tirar fotos! :-((

Abraço