sábado, abril 12, 2014

Apesar de Você



Esta também pode ser considerada uma canção metáfora de Abril!
Do outro lado do mar também se lutava contra a ditadura...
A cantiga sempre foi uma arma!
Desejo-vos um bom fim de semana!

20 comentários:

São disse...

Desconhecia esta canção de Chico.

A ditadura brasileira foi pior ainda do que a nossa!

Agradeço e retribuo o voto de excelente fim de semana.

Graça Sampaio disse...

Tomorrow is another day!! (última frase de «E tudo o vento levou» dita com muita força, muita vontade, muita determinação)

Bom fds.

Rui Espírito Santo disse...

Gostei também muito DESTA !
Nesta altura eles precisavam tanto como nós (ou mais ainda) !
.

Flor Guerreira disse...

Adoro esta. E sempre, sempre a cantiga foi uma poderosa arma.

Teté disse...

É sempre um prazer ouvir o Chico... :)

Abraço e bom fim de semana!

Janita disse...

Sempre gostei imenso desta canção do Chico e na altura nem lhe atribuía a conotação política nela implícita.
Delirava, sobretudo, com esta parte: "Você que inventou a tristeza, ora faça a fineza de desinventar"...

Amanhã há-de ser outro dia...essa foi e continua a ser a nossa esperança.
Excelente escolha para acordar os adormecidos daquilo que foi o ideal de todos os portugueses, desde sempre, e supostamente conseguido há 40 anos atrás!

Um abraço e bom Domingo, Rosa!

Majo disse...

~
~ ~ ~ A b r a ç o ~ m u i t o ~ a m i g o. ~ ~ ~

Pitanga Doce disse...

Bonita música. Só é pena que, hoje, Chico e seus companheiros não se manifestem diante do que estamos vivendo. Talvez por desconfiarem que, outra vez, não poderão falar ou perderão as benesses. Nem sempre a ditadura veste farda.

Beijo, Rosa. Sei que entendes o que eu digo.

Mar Arável disse...

Beijos tantos

Maria disse...

A cantiga é uma arma...e eu já sabia :))!
Obrigada por estas lembranças de algo que vivemos tão intensamente!!!
Beijinhos
Maria

Pedro Coimbra disse...

Um génio este Chico.
Na música, na escrita, cinco estrelas!
Boa semana!

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Boa escolha, Rosa
Uma boa semana

Ricardo Santos disse...

Grande Chicio Buarque !
Obrigado Rosa

Rui Pascoal disse...

Não sei se as novas gerações, que não viveram no tempo da ditadura, embarcam "nestas canções"...

mlu disse...

Gosto muito de Chico Buarque e não conhecia esta canção! Faça favor de desinventar (a tristeza) é um pedido que devia ser atendido a todo o custo!

Boa semana,

Um abraço.

Lídia Borges disse...

Tanto Mar

«Sei que está em festa, pá
Fico contente
E enquanto estou ausente
Guarda um cravo para mim
Eu queria estar na festa, pá
Com a tua gente
E colher pessoalmente
Uma flor no teu jardim
...»

Chico Buarque

marina disse...

E vivam as cantigas!!!!
Beijinho e obrigada

Lilá(s) disse...

Parece que agora já nem com cantigas vamos lá!
Bjs

Rosa dos Ventos disse...

Não escolhi "Tanto Mar" porque é uma canção que já festeja o 25 de Abril e a minha intenção aqui era falar das canções que o prepararam!
Claro que há muitas mais...

Abraço

Justine disse...

Sim, é uma canção metafórica, porque também lá não se podiam dizer as coisas às claras! Tantas vezes cantada, baixinho...
É mais uma enorme canção do Chico, que apetece recordar...cá por coisas!
um abracinho:-)))