segunda-feira, janeiro 07, 2008

Finalmente...

Finalmente esta vidinha vai entrar na normalidade (possível, claro!).
As reuniões da segunda serão à segunda, a ementa do almoço da segunda será a mesma de todas as segundas, embora a das quartas não lhe seja inferior, a companhia do almoço continuará a ser a mesma o que é muito bom porque continuaremos a tentar levar o tempo que nos resta da melhor maneira, com muito humor e muito sentido crítico.
Os ensaios do coro serão de novo à segunda e sexta, sem o stress de cantatas de Natal e afins.
Estes são os meus compromissos fixos, o primeiro por obrigação o segundo por devoção.
No início de um novo ano é suposto as pessoas tentarem introduzir algo de interessante nas rotinas do seu quotidiano.
Depois de ter recebido vários emails com sugestões ainda não me decidi, por isso aceito mais opiniões que contemplem algumas das condicionantes que, à partida, os meus amigos virtuais e os outros já conhecem, depois de algum tempo de interacção.
Como podem deduzir pela "qualidade" deste post as tais luzinhas do final do ano eram mesmo muito fraquinhas...

17 comentários:

Jaime disse...

Não percebi bem. Será que não há segunda ementa na segunda, a seguir à segunda reunião, a das quartas? :-)

Rosa dos Ventos disse...

Eu explico:
Tenho sempre uma reunião à 2ª feira de tarde e almoço com dois amigos, companheiros e camaradas num restaurante onde a ementa é sempre a mesma, nesse dia.
Por causa do dia de Natal e do 1º de Janeiro as reuniões passaram para dia 26, quarta-feira e 2 de Janeiro, também quarta-feira e por isso a ementa era diferente até para melhor.
Agora está mais perceptível? ;-)))
Tenho que ir ao Comentarista que tem estado muito parado!

Um abraço para ti, Jaime e um Bom Ano.

Jaime disse...

:-) Obrigado. Bom Ano também, e abraço também.

FERNANDA & POEMAS disse...

Olá Rosa, tu és uma mulher com o M grande.
Acabarás por descobrir sózinha o teu caminho.

Muitos Beijinhos,

Fernandinha

Maria disse...

... bora espevitar as luzes um bocadinho???
pode ser que...

Abraço

NOBITA disse...

Deixa entrar a luz, o sol e todas as luzes que baterem à tua porta.
Abre o teu coração ao ano de 2008.
Beijos

LB disse...

Ora, é a nossa "vidinha"... que, por si só, faz todo o sentido.

Beijinho

Belisa disse...

Olá:)

Com o que a Rosa me diz
Fiquei muito contente!
Que sejas muito feliz
Sempre daqui p'ra frente!

Mas permite-me dizer
Que tu não ficas atrás!
Boas quadras sabes fazer
Também no dia de S. Brás...

Muitos beijinhos estrelados

Justine disse...

Um dia de cada vez, não é, Rosa? Com a força de que se é capaz, com a coragem que se inventa.
E assim o caminho vai-se fazendo, caminhando...
Um beijo

pin gente disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
pin gente disse...

ora então como amiga, ainda que virtual, vou deixar sugestões (mesmo não conhecendo as condicionantes) das coisas que gosto ou tenho que fazer:
- pedalar, pedalar... ir a qualquer sítio e voltar.. (repetir uma vez por semana, todas as semanas)
- abusar da digital e não descurar a manual
- fazer arroz doce sempre que a nostalgia voltar
- ler, escrever, blogar...
(já notas as luzes mais acesas, rosa?)
- mudar os móveis de sítio
- deitar fora papeís, papeís, papeís
- dar uma volta nas roupa antigas e reciclar... tira aqui, poe ali, muda acoli
- cantar, cantar, cantar...
- mudar a ementa de 3º feira
- fazer um sobremesa doce de vez em quando
.
.
.
e, para ti, escrever um cântigo para o coro

que tal a intensidade da luz?

um abraço
luísa

Su disse...

passa no marakoka---

jocas maradas..sempre

Eyes wide open disse...

Tudo o que diz a Luisa e... muitos, mas muitos passeios à beira mar (com e sem passarinhos).

;)

*

Luisa Oliveira disse...

Muito me agradaria a tua presença nas aulas de espanhol. E vires aprender a tocar viola, hem?

Vá lá, pensa nisso, não te fazia mal nenhum :)

Rosa dos Ventos disse...

O horário do espanhol não me dá jeito, quanto à viola já a meti num saco há muito! ;-))

Bisous, Luísa

Rosa dos Ventos disse...

Obrigada pelas ideias, Pin Gente!
Algumas até têm a ver comigo...
Não na área da doçaria!
Mais on sait jamais...

Bisous

Rosa dos Ventos disse...

Cara Justine
Ouvi dizer que as Janeiras ainda não passaram por aí...
Tenho pena mas não podemos entrar em "território" de outras freguesias, penso eu de que...

Abraço