quinta-feira, maio 31, 2007

Estranho jardim...


Estranho jardim da casa que foi feita para eu não morar nela...

9 comentários:

AnaG. disse...

A natureza, às vezes, mostra-nos o quanto precisamos de força para resistir e que nada é impossível.

Beijinho, especial.

Anónimo disse...

WindRose,
andas a plagiar as minhas fotografias?

Luis

Maria disse...

Já vi uma paraceida num canteiro por aqui...
... alguém que come a nêspera e lança o caroço...

Beijo

Teresa disse...

Apesar disso as flores e as nêsperas continuam a nascer...será que esperam por ti?...

Luis Eme disse...

Tão enigmático... Rosa.

Rosa dos Ventos disse...

As tuas fotografias não tinham sardinheiras, Luis!... ;-))

Ida disse...

Querida Senhora dos Ventos (e dos adoráveis gatos), amei teu coment, mas sabes, a vida às vezes é tão absorvente que nos faz ficar devendo: atenção, carinho, presença, resposta. Mas é certo que as pessoas que nos motivam e que admiramos não deixam de ser interessantes qd nos ausentamos, ao contrário, ficam ainda mais, sobretudo quando enviam msgs como as tuas.

E aqui, chamamos gerânios 'as sardinheiros que são muito bonitas, como o provas, apesar de não corresponderem no perfume.

Beijos de outono no Rio!

Eyes wide open disse...

Perdi a noção do tempo que aqui fiquei a olhar para esta foto... relembrou-me um feliz, mas já inexistente cenário da minha infância. Só ali faltam umas flores de Sta. Teresinha.

*

e bom fds!

Maria P. disse...

Eu gosto destes jardins!


Beijinho e bom fim de semana*