quarta-feira, junho 03, 2009

O tempo das cerejas

O tempo das cerejas, pelo menos na minha cerejeira, está a chegar ao fim.
Resta este braço enxertado há uns anos, pelo meu fiel jardineiro, no tronco principal.

Entretanto a nespereira, graças à tremenda poda que levou, limitou-se a estas duas nêsperas, havia uma terceira que secou...
Era a minha!

Finalmente as ameixas estão a começar a amadurar.
Como ficam vermelhinhas quase todas ao mesmo tempo, lá terei eu que fazer doce...

Lamento, mas não tenho mais nada para dizer!

30 comentários:

tinta permanente disse...

Lembrou-me a velha ameixoeira que havia num quintal, mesmo, mesmo, encostadinha ao muro do recreio da minha escolinha. Por lá aprendi que só os anjos têm asas...
(mesmo sabendo que a ameixa madura deixa na boca um suave sabor a mel).

abraços!

Luis Eme disse...

não tens mais fruta?

nem uns pêssegos?

abraço Rosa

Maria P. disse...

Eu posso ficar com umas ameixas...:)

Beijinho*

Rosa dos Ventos disse...

Os pêssegos estão muito atrasados e também não estou a acreditar neles...
Estão um pouco mirrados, mas se resolverem espevitar eu mostro-os, Luís! :-))
A esta hora todos os que passam por aqui pensam que eu tenho um quintal enorme...
É apenas um canteirito ao longo de um muro com poucos metros! :-((

Abraço

Maria disse...

Grande pomar, pelos vistos...
ou
de como o que vemos e ouvimos nos seca as palavras...

Abraço, Rosa

sendyourlove disse...

Imagens coloridas que dispensam muitas palavras...
Humm esse doce de ameixa denixa-me uma doce curiosidade :)

Abraços apertados

Ovinho Estrela(do) disse...

Rosa!

Eu também lamento não ter mais nada para lhe dizer a não ser vir fazer pedinchice!

Levo as cerejas e as ameixas!

Deixo as nêsperas, para não ficar com fama de gulosa...!

Esta sua propriedade agrícola (olhe eu a gabá-la!) é uma seiva light!

Sai, então, uma cestinha primaveril decorada com cerejas e aneixas até ao ciminho! Mando o meu Jarbas buscar depois! :)))

Beijo, rosa das saias!

mc disse...

Ora, ora,cada imagem vale mil palavras, são três imagens, logo vários milhares de palavras!... Tal como o frutos mostrados, ou já passou o momento ou está para chegar...

Roderick disse...

Bem, que frutos espectaculares. As árvores lá de casa este ano ainda não deram nada!!!!!!!!

NOBITA disse...

Tantas árvores de fruto, também tenho algumas, pois também tenho um jardineiro muito aplicado e dedicado, eu não posso, mas ele gosta muito de andar na horta.
Beijos

Pitanga Doce disse...

Não tens mais a dizer? Mas eu tenho:

"Senhor! Se não posso voar nem pela asas da TAP
Deixa-me ficar sossegadinha no meu canto
Não deixe que os amigos fiquem por aí a postar imagens de pratinhos com cerejas vermelhinhas e morangos acabados de colher"

Lembras-te?

E isto serve para ameixas e afins. hehehe

beijinhos de cá

Pitanga Doce disse...

Ah! E nêsperas também! Por um acaso tens uvas? É que assim lá pra setembro deixo de vir aqui.

Rosa dos Ventos disse...

Também tenho uma parreirita, uma laranjeira e um limoeiro, querida Pitanga! :-))
Como é que num espaço tão exíguo cabe tanta coisa? - perguntarão intrigados.
Milagre! - respondo eu...
É que são mesmo dois canteiritos!

Abraço

pin gente disse...

eu fiquei com uma doçura na boca...
beijos

Tite disse...

Rosa,

Que grande alegria.
No meu jardim apenas tenho uma pereira com 12 pêras, e a pessegueiro que dá pela primeira vez 5 pêssegos.
As nespereiras são três e nunca deram uma nêspera para amostra o limoeiro só deu 2 limões e anda para ali com umas ameaças de limões.
A macieira só teve muita flor bonita mas é tão nova que ainda não deu uma maça para eu lhe ver a cor.

Mas juro aqui à frente de toda a gente que para o ano também vou arranjar uma ameixeira e talvez um marmeleiro. Cerejas, que tanto adoro, não se dão por estas paragens.

Beijos

Pitanga Doce disse...

Eu já vi tudo. As laranjas têm gosto de nêsperas e as ameixas pegam o gosto das cerejas. Se o canteiro é tão pequeno devem dar um "chega pra lá" uns nos outros.

Mas olha, só não deixa o vinho pegar o gosto dos limões, ópormaordedeus! hehe

boa noite Rosa e pelas horas, dormes!

Oris disse...

É uma inveja esta fruta nas suas árvores...Eu contento-me em vê-la nas caixinhas "no quintal" do hiper....e já fico contente quando ela é boa...o que nem sempre acontece!!!

Boa fruta, Rosa dos Ventos...

:)))

Beijitos

Justine disse...

Ofereces-me as primícias do teu jardim, que mais posso eu querer?
Fico-me com invejinhas, porque cerejas não tive nen uma (o teu jardineiro não quererá fazer uma consulta ao domicílio?):))

Pedro M. disse...

Rosa,
essas cerejas deixa-me com água na boca!

:)

Anónimo disse...

Com tanta variedade de fruta e...da boa,delicada,que requer terrenos e cuidados especiais,começo a pensar que essa afirmação de que tudo cresce e cria numa tirinha de terreno,cheira-me e disfarce para fuga a algum fisco (ou então sou eu que estou contaminada pelo ambiente)Abraço Kincas

Rosa dos Ventos disse...

Juro que os meus canteiritos estão mais que declarados, não quero ver o meu nome pelas ruas da amargura nos jornais de referência locais, querida Kincas.

Abraço

Rosa dos Ventos disse...

O fiel jardineiro trabalha em regime de exclusividade para mim, por isso não pode dar consultas ao domicílio, cara Justine. :-))
Em todo o caso eu posso ir verificar o porquê dessa produção tão insignificante, explico-lhe a situação e depois transmito-te o que deves fazer!
Posso até tirar fotografias para melhor compreensão da conjuntura frutícula do teu belo quintal! :-))
Combinado?

Abraço

Rosa dos Ventos disse...

Caro Tinta Permanente
Também eu descobri na infância que só os anjos têm asas, quando caí da nespereira duma tia do lado paterno e "aterrei" na capoeira das galinhas...
Fiquei mesmo com uma encantadora e agora minúscula cicatriz, abaixo do lábio inferior... :-))


Abraço

tulipa disse...

Já fiquei com água na boca....só de saber que vais fazer doce de ameixa!!!

Hoje estou virada para análises e meditar sobre o que tem sido a minha vida nos últimos meses.
Vê tu bem, com tanta escrita esqueci-me de fazer referência à minha 1ª exposição individual de fotografia...que também aconteceu neste espaço de tempo!!!

Decidi fazer uma curta análise da minha vida nos últimos 4 meses e passei-a para um post hoje mesmo. Gostaria que lesses (se tiveres paciência, lógico) pois ainda são algumas linhas...

Resumindo acho que:
Tudo o que decidi e fiz valeu a pena, porque há uma ordem lógica, difícil de explicar, para a sucessão de experiências que se vão passando na vida.
Na próxima semana vou iniciar a apresentação das fotos do cruzeiro.
Hoje, apenas digo:
"Gracias a la vida, que me ha dado tanto..."

Boa semana.
Beijinhos.

(encontras este texto no Blog "Momentos Perfeitos")

Rosa dos Ventos disse...

Cara Ovinho
O Jarbas ainda não chegou, se entretanto chegar já não leva cerejas! :-))

Abraço

fj disse...

amiga Rosa Sortuda!!!

Contento-me a Observar as tuas especies. Porquanto a cerejas este ano,das minhas, nem vê-las...isto é nem as provo.
Ameixas tb tenho, estão carregadas, com esta chuva q vale oiro, espero que engrossem muito mais, já que nem tempo tive de lhes dar a água quando mais necessitavam.
Tenho 3 nespereiras, mas Nesperas, nem uma. Pró ano é q vai ser.

Queres árvores de fruto p'ra troca?? (daquelas q só crescem e nada dão!)

Beijinhos minha cara ribatejana d'além norte!

Arabica disse...

Rosinha :)

a semana passada, a caminho de Mafra, lembrei-me de ti! :)

Então não é que pelo caminho, aparecem pintadas em sinais de transito, "amo-te pequenina" ????

:)

Imagina, Rosa, saiu de Leiria, o cavaleiro andante, por montes e vales :)

Para tão grande trabalheira, amiga, só posso acreditar, que a queda foi muito, muito grande!! :)

Levo-te uma mão cheia de cerejas e deixo-te um abraço. Grande.

Vieira Calado disse...

Nêsperas e amoras (de amoreira), são os meus frutos favoritos.
Embora também aprecie as amoras das silvas.

Bjs

Idun disse...

ora, e dizes mais do que aquilo que julgas dizer! :)

depois, conta-nos como é que confeccionaste o doce de ameixa.

marradinhas afectuosas

Luz do amanhecer disse...

Para quem não tinha mais nada a dizer... Este post deu muitas flores e frutos!