sexta-feira, junho 12, 2009

Escapadinha

Começámos por aqui...



Por onde?
Claro que a Oris sabe, mas não diz logo como é seu hábito!

27 comentários:

Roderick disse...

É no Alentejo. Onde, já é mais dificil!

Madrigal disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Madrigal disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Madrigal disse...

Desculpa-me. Esqueci-me de dizer que, na minha modesta opinião, os pelourinhos deveriam retomar a função para a qual foram originariamente concebidos.

Começariamos pelos seguintes personagens, a saber: a) Alguns politícos; b) A máfia do futebol; c) Os altos corruptos; d)Os das falências fraudulentas; e) Os marginais incorrigíveis...depois logo se haveria de ver o resultado.

Um abreijo

Jorge

Madrigal disse...

Alto Alentejo, apesar da venda de artigos religiosos não fazer a bota bater com a perdigota, nos gostos da gente alentejana. Mas, enfim, trata-se de uma igreja. Uma vila com casco urbano histórico...hum.. mas não arrisco um nome.

Jorge

sendyourlove disse...

Na região do Alentejo já sabia de antemão...o resto não...
Que tenham sido uns dias proveitosos...isso é que interessa.

Duarte disse...

Rosa, dois edifícios com arquitecturas tão diferentes que, pelo que creio, estariam na mesma cidade, é o que realmente me confunde.
O Barroco está mais pelo norte, mas as igrejas de torres baixas, pintadas de branco com franjas de cores fortes são típicas do sul... que confusão!
Creio ter visto algo parecido por Ferreira do Alentejo. O que mais me confunde é este tipo de palácio com pelourinho que não me encaixa.
Parabéns, pelo bem que o tens montado. Imagino o muito que estarás desfrutando com o que nos equivocámos.

Beijinhos de boa amizade, ainda que me fizeste pensar bastante...

Justine disse...

...e eu, como é hábito, não consigo atinar!
Espero a resolução do teu enigma...

tinta permanente disse...

Primeiro: inveja! Do tempo que, por estas bandas, peganhento e cinzentão. Depois, bom, acho que é Alentejo. Acho! Isto porque não conheço nenhuma terra chamada 'Artigos Religiosos'...
Mas...
(que a esacapadinha tenha sido a contento, já é bem bom!)

abraços!

Pitanga Doce disse...

Huum, estas casas em azul em branco...

Olha, desculpa não ter te respondido lá no blog, mas já posso ver umas marcas de dedos no bolo. São tuas? hehehe

Rosa dos Ventos disse...

Só marcas, Pitanguinha?!
Pensei que já tinha dado uma dentada! :-))
Estes azuis, o quê?

Abraço

Maria P. disse...

Ando a precisar de uma saída assim...

Beijinho*

Oris disse...

Rosa dos Ventos...eu não sei tudo!!!!

:)))

Faz-me lembrar a zona de Vila Nova de Milfontes.

Beijitos

Tite disse...

Não estou a ver um edifício tão alto lá para os lados de Milfontes.

Pode ser Alentejo mas mais lá para o Alto-Alentejo.

Vou ver se investigo melhor.

Já volto

pin gente disse...

só sei que eram quase dez e meia da manhã, na bela junta de freguesia de "artigos religiosos"
um beijo

Dina disse...

Coruche.
Pelourinho junto ao edifício da câmara municipal e Igreja de Nª Sª do Castelo.
Certo??

Anónimo disse...

Adoro tentar descobrir. Com uma pequena ajuda sei que é em Coruche.
Bjs.

afigaro disse...

Os pelourinhos valem o que vale!...reflectem um passado de muitos ódios e justiça popular. Ná!...
Para quando um link para o afigaro?...hà muito que esse domínio consta no mauelinho.
abraço

Rosa dos Ventos disse...

Caros amigos viurtuais e não só

De facto é Além do Tejo, mas não ainda Alentejo!
Os azuis da Igreja da Senhora do Castelo foram um pouco enganadores...
A Dina acompanhada por um querido anónimo acertaram!
É Coruche, ali à beira do Sorraia!

Abraço a todos

Rosa dos Ventos disse...

Caro Manuelinho
Eu tenho-o colocado na lista dos favoritos, só que não aparece "linkado"!
E que tal ontem?

Abraço

Rosa dos Ventos disse...

Caro Madrigal

Gosto muito de pelourinhos e quando os observo nem me lembro da sua função inicial...
Parece-me que estás em boa posição para ajudares a Justiça a castigar toda essa escumalha que nos ensombra o País!

Abraço

dona tela disse...

Desculpe não comentar, mas ando bastante baralhada com isto tudo.

Reiterados cumprimentos.

Tite disse...

Ainda bem que a Dina adivinhou.
Procurei ontem toda a tarde por terras Alentejanas mas quando me dediquei ao Ribatejo estava tão cansada que deixei Coruche para mais tarde. Pronto...
A amiga Dina acertou porque conhece, porque vive perto e porque Alentejo e Ribatejo, para ela, não tem segredos.
Parabéns!

Dina disse...

Gosto muito de Coruche e vou lá muitas vezes, por isso não foi difícil reconhecer mas para alguém que não conheça tão bem Coruche estava mais difícil.

fj disse...

opah!!!

uma excelente oportunidade de acertar...e logo as festas de santarém tiraram-me esta oportunidade...mas tá bem!

a Dinita merece o prémio...
beijinhoss


Rosa, o prémio desta vez era uma viagem??

Rosa dos Ventos disse...

Caro FJ
O prémio era mesmo uma viagem ao mundo virtual da Rosa dos Ventos! :-))
Eu sei que circulam por aqui ribatejanos por isso pensei que a resposta certa chegasse mais depressa.
Gosto, no entanto, quando dá um pouquinho de luta!

Abraço

Vieira Calado disse...

O tempo é que parece um pouco enevoado...

Mas o que nos mostra deve ser bem bonito.

Cumprimentos meus